Como andar na garupa de uma moto esportiva?

Na autoescola comum, não conseguiu descobrir Como andar na garupa de uma moto esportiva? Eu mesma passei por isso: falei que queria aprender uma boa garupa porque ia ser em uma moto de 750cc (além de pilotar). Contudo, fiquei frustrada quando os dois instrutores só tinham experiência em motos menores e comentaram que era só sentar e se segurar…

Na minha busca por conhecimento e experiência para prevenir erros e acidentes, pesquisei no YouTube e encontrei alguns tutoriais bem úteis. Vou colocar aqui os dois melhores e listar os aprendizados essenciais e pouco óbvios para você consultar mais facilmente. Apliquei e realmente ajudou!

Para sua referência: a moto no meu caso é uma gsx s750 2020/21, uma do tipo modelo esportiva, considerada de alta cilindrada pela maioria, e que pesa cerca de 200kg.

Como subir na garupa de uma moto esportiva?

Antes de saber como andar, importante saber como subir! Para isso:

  1. Se o piloto tiver em cima: Sempre pergunte, ou no mínimo chame atenção tocando no ombro e falando, que você vai subir. Ele precisa estar com apoio firme, principalmente sem estar com o descanso/pézinho, para não correr o risco de tombar
  2. Sem o piloto: A moto deve estar apoiada no descanso. Apoie o pé esquerdo no apoio de pé do garupa esquerdo, e atravesse a perna direita para o lado direito em seguida depois

Pessoas de baixa altura também conseguem subir em moto grande, é questão de jeito. O quadril deve ficar inclinado para cada lado que precisar apoiar no chão. Assim, você consegue alcançar um lado de cada vez, e usa essa base para se impulsionar. Veja o vídeo:

Como andar na garupa de uma moto esportiva?

Orientações para iniciantes subirem em motos grandes, mas que também serve para quem já tem experiência em motos menores, já que há algumas diferenças na arquitetura, altura, estrutura em geral. Confira:

  1. Apoiar os pés no pedal pela ponta dos pés, alinhado-o para a frente rente a moto;
  2. Abraçar o piloto pela cintura (sendo uma moto esportiva, o piloto deve ficar um pouco abaixado). Não segurar no ombro nem na diagonal do peito;
  3. Ficar com a cabeça por cima à do piloto e o capacete alinhado para a frente, centralizado. Virar para um dos lados atrapalha na estabilidade por empurrar a cabeça do piloto de lado e afetar na igual passagem de vento que aconteceria na forma ideal;
  4. Considerar o tanque como um apoio para as mãos no caso de frenagens, impedindo de depositar peso no piloto e desestabilizá-lo. Existe até um uma alça que pode ser instalada para o garupa se segurar;
  5. Nas lombadas/quebra-molas, elevar um pouco o peso na ponta dos pés no pezinho/apoio, para aliviar o impacto da gravidade ao aterrisar;
  6. Colar o corpo no piloto e movimentar suave no mesmo sentido que ele, como se fosse uma extensão do seu corpo, principalmente nas curvas. De forma alguma compensar para o lado contrário ou ficar ereto. Nas motos esportivas, é natural pesar o corpo para o lado nas curvas, e é assim que ela curvará corretamente.

O pessoal dos tutorais que vi e com quem conversei que tem experiência conta: um bom garupa é aquele que se faz o peso despercebido. Ou seja, você deve realmente tentar acompanhar suavemente o corpo do piloto e acatar que ele que está no controle, você apenas se deixa conduzir.

A contribuição que o garupa pode dar, é ter a atenção aos movimentos ao redor, para alertar falando caso veja algo que mereça atenção (carros fechando a frente, colando do lado, sinal fechando ou abrindo, buraco, pista molhada etc).

Você daria mais alguma dica ou ficou alguma dúvida? Conte nos comentários abaixo!