Veja, aqui, e frases marcantes do filme sobre Tony Robbins, Eu não sou Seu Guru, que você pode assistir na Netflix.

Aprendizados Marcantes com o Filme de Tony Robbins na Netflix. Tony diz: "Eu vou lhe mostrar como se transformar" à um participante do evento.Além das citações, há também uma resenha e comentários explicando os conceitos por trás de algumas, e descrições de momentos e exercícios marcantes.

Eu não sou seu Guru: Resumo do Filme de Tony Robbins

O documentário mostra um pouco sobre a vida de Anthony Robbins, mas mais especificamente como funciona o seu evento preferido, o “Fate with Destiny” (“Encontro com o Destino”).

É uma cobertura dos seus 6 dias, 12h por dia. O custo do ingresso é, aproximadamente, US$5.000 para cada um dos seus participantes. No total, ele atende cerca de 250.000 pessoas em cada evento desses.

Tony Robbins é mundialmente famoso e referência no assunto de Programação Neurolinguística.

Ei! Por acaso você quer aprender a atender online? Baixe o meu e-book Gratuito para saber como começar a fazer atendimentos, consultas, consultorias, aulas, vendas etc na internet: Clique/toque aqui!

Eu não sou seu Guru: Frases do Filme sobre Tony Robbins e Resenha

Os highlights (momentos de destaque), no meu ponto de vista!

Observação: A tradução foi livre, feita por mim, a partir do conteúdo original em inglês.

 

“Rejeição dá origem à obsessão.”

Nesta frase acima, o que Tony quer dizer, é que situações em que nos sentimos rejeitados, principalmente pelos pais, gera uma obsessão na busca de aceitação, de provarmos que somos dignos de seu amor.

 

“Ao entender que a vida está acontecendo para nós, não conosco, fim de jogo: todos os seus problemas e sofrimento, desaparecem.”

Devemos entender todas as experiências da vida como uma oportunidade de crescimento, como protagonistas. Não devemos crer que somos apenas vítimas, nem ficarmos paralisados com as questões que estão fora do nosso controle. Devemos seguir em frente, evoluir para superar e sair melhor do que antes.

 

“Eu uso palavras de forma bem direta. Uso palavras fortes, que são tabus para a maioria das pessoas, para chocá-las. Assim, calo os barulhos em suas cabeças e as provoco a voltar à realidade deste momento. É assim que elas mudam.”

Tony explicando-se sobre uso de palavrões ou críticas indelicadas em suas intervenções.

 

“Eu quero”, não significa “eu gosto”. “Eu quero” porque eu sei que é certo.

“Eu não faço o que eu quero ou acho que é certo. Se você vir o que eu faço, eu vejo o que os seus corpos me dizem o que é certo. Quando é verdade, todo o sistema nervoso responde.”

Explicação sobre como Tony sabe o que dizer para cada pessoa. Resumindo: leitura de linguagem corporal; ele até cita nas intervenções abertamente, como a pergunta “O que foi que mudou? Essa descida de ombro, o que significou?” a uma das pessoas com quem conversou.

 

“Eu estou procurando pelo o que é real. Quando eu encontro, sigo esta isca até chegar na alma. Eu não sou um cara superficial. Não suporto viver na superfície.

Acho que por isso que as pessoas são tão cheias de faltas, hoje. Elas enviam mensagens de texto ao invés de se comunicar… Profundidade é o que está faltando nas pessoas.

Então, eu gosto de levar as pessoas ao fundo. E, quando você leva as pessoas profundamente, todos ficam vidrados, porque é tão raro.”

 

“Como nós conseguimos amor de todo o tipo de pessoas que nem conhecemos?” — Tony pergunta.

“Nós fazemos a coisa certa.” — A participante responde, e é aplaudida.

“Esse tipo de autenticidade te levará a uma vida rica. Você encontrará desafios, errará, e sempre limpará os seus erros. Logo, terá a vida que sempre quis.” — Tony completa.

Intervenção de Anthony onde ele lida, de forma mais dura, com uma mulher que está acostumada a receber amor sem precisar fazer nada em troca. Ele, enxergando-a como vitimista, provocou-a a tomar uma decisão sincera e difícil, e a agir, ali mesmo no evento.

 

“Eu acredito que a maioria de nós está inconsciente da maioria dos padrões que nos controlam.

Você tem que saber precisamente o que você realmente quer nesse estado da sua vida, o que você precisa, quais são os gatilhos que te deixam louco, e se vale a pena deixá-los.

É decidindo, assim como construir músculos, que você vai esculpir-se em o que você é capaz de ser como oposto a qualquer vida e circunstância proveu você a oportunidade de como aparecer.”

 

“Nós vivemos o que toleramos. Eu vou decidir o que eu quero, não tolerar algo em mim que é menos do que eu posso ser, fazer, compartilhar ou dar.”

 

“Eu acredito que, se a pessoa passa por tanta dificuldade e o amor e cuidado a mantém viva, ela é capaz de superar qualquer coisa.”

Tony comenta sobre a história de uma suicida, Dawn, que passou por situação extremamente traumática, e estava ali. Em um evento desse porte (nos 2.500 pessoas), normalmente, por estatística, 12 são suicidas. Anthony e a equipe, identificam e cuidam estes com mais atenção, sinalizando-os com “bandeira vermelha”.

Ela recebeu uma rede de suporte pela forma que lidou com tudo: Ela não ficou com raiva e descontou o seu sofrimento no mundo. Ela continuou amando e cuidando da forma que conseguia, além de acreditar que existia um amor e Deus que diferentes e bons, apesar de ter sido criada com uma imagem completamente deturpada de Deus e amor.

 

“Você foi feito para amar incondicionalmente. E quanto mais nós fazemos isso, mais experimentamos a humanidade da natureza humana. Experimentamos a nossa real natureza e nos sentimos profundamente vivos.”

“O amor é a minha força. Importar-se é a minha força. E eu lido com qualquer coisa porque eu sou a própria coisa.”

“É uma obsessão, eu sou viciado em ajudar. Parece que, assim, a vida tem um significado profundo.”

 

“Cure o menino, e o homem aparecerá.”

 

“Os maiores medos que as pessoas tem:
1) Elas não são o suficiente;
2) Se não são suficiente, não são capazes de serem amadas.”

Dia sobre Relacionamentos

“O que faz um relacionamento funcionar, é extremamente simples: precisa de uma coragem inacreditável, porque isso te leva ao lugar mais em você mesmo. Este é o lugar onde, também, as recompensas são maiores.”

“Desafio é viver 24:7 com uma pessoa, amando-a.”

Relacionamento é a área mais importante da vida. Amplifica todo o resto.

 

“Mantenha na cabeça, você está morto.”

Sobre ficar apenas na teoria, e não agir.

 

Sobre o dia da “Transformação” e os seus Exercícios

“Vamos descobrir algo que te controlou a vida toda. Você vai melhorar ou transformar.

Você vai escrever sua pergunta principal. Todos tem uma pergunta mais frequente do que tudo mais na terra, e aqui porque isso é tão importante:

Perguntas controlam o que você foca.

O que você foca é o que você sente.

O que você sente é a sua experiência de vida.”

 

“Eu não acredito em gente que é feliz ficando onde está. E a razão é que a vida é crescimento. Se você sentar na mesa do sucesso por tempo demais, você vai ficar entediado.

Progresso é a felicidade.

Se você não está crescendo em nada, financeiramente, espiritualmente, emocionalmente, em uma relacionamento, ou no seu corpo… Você precisa evoluir e vai se sentir melhor na vida. É para isso que a gente foi feito.

Creio que temos o propósito de crescer para, dessa forma, termos algo para dar. Você não pode dar algo que você realmente não tenha.”

 

“Um treinamento de uma semana não vai mudar você para toda a vida.
Você tem que praticar diariamente. O treinamento nunca acaba. Você precisa de um sistema.

Exercício para incorporar a sua missão e valores

Missão, valores, a sua pergunta core, formam um pôster, junto com uma frase que significa tudo para você. Você precisa interiorizar isso no seu sistema nervoso.

Exercício para se reprogramar

Tony, então, pede para que grupos de 4 digam o seguinte entre si:

“Eu, meu nome, vejo, ouço, sinto, e sei que eu sou o que quero ser!” (“o que quero ser” pode ser “decisivo”, se a pessoa for indecisa e quiser mudar isso).

“Fale do fundo da sua alma essa frase, para determinar quem será você a partir de hoje. Você estará projetando a sua vida. A maioria das pessoas apenas sobrevivem e, em um estalar de dedos, 10 anos se passam. Eles passarão de toda forma. A questão, é: Onde eu quero estar?

“Nunca desistir. O desejo puro nos mantém seguindo.”

“Existem experiências que vivemos, que quando reagimos a elas, é como se o músculo contraísse. Mas a gente mantém ele contraído. Nós nunca, a partir do momento que já é seguro, deixamos ele relaxar novamente. E isso limita o que nós podemos experimentar em nossa vida.

Freud descobriu que, se nós pudermos voltar para o momento anterior a este, poderia curar o momento que está te segurando, porque você teria esquecido algo que deixaria você deixar ir.

“Vai ser uma jornada. Você vai lembrar de algumas coisas, e nesse processo você pode fazer novas decisões sobre o que elas significaram. E, com elas, isso pode significar uma nova vida para você.

“Estou perguntando qual é a sua memória mais recente. Onde você esteve? O que você estava experimentando? O que isso significou? O que você decidiu lá atrás, então? A decisão que afetou o seu jeito de pensar da vida.”

Exercício para incorporar a energia da alegria

“De olhos fechados, levante os braços e puxe para baixo, como alavanca, cerca de 20 vezes, com as mãos abertas.

Sente-se. Respire fundo e acalme-se sentindo o corpo.

Ponha as mãos com as palmas para cima.

Respire no peito, ponha as mãos sobre ele.

Lembre três momentos de sua vida que você sentiu enorme felicidade, se você quisesse.

Sinta e aprecie o momento como se estivesse nele. Sinta a gratidão do momento, da sua vida, o quão abençoado é. Deixe entrar a gratidão deste momento. Sinta. Sinta o que levou a te fazer se sentir tão grato.. foi uma benção.

Em alguns momentos você abrirá os seus olhos sentindo-se integrado, sentindo-se forte, como uma cura, cheio de gratidão, querendo se esticar, se fortalecer e sentir completamente vivo, mais que nunca. Sentindo-se como um, consigo mesmo, e um com a vida. Onde uma energia passa através de você, e você pode celebrar com a sua voz neste momento.

Esteja pronto. Abra os olhos quando estiver pronto.

E, quando quiser, você pode ficar de pé, se alongar e sentir a energia que foi construída dentro de você.

Deixe construir.

Então, faça um som de total felicidade e total excitação. Um, dois, três, vai!

Sinta o guia que nunca te abandona. Sinta tudo aqui para você quer levar para casa, para sempre. Respire, sinta, incorpore isso, esta noite e todas as noites.

Você pegou os melhores presente de todos os lares, quem você se tornou, as escolhas que você fez, a força, o amor, o compromisso no seu coração.

E o som vai sempre te trazer para este momento.

Façam o som em 3, 2, 1…”

(as pessoas gritam em uníssono).

 

“As pessoas geralmente buscam alguma dessas 2 mudanças:

A) Mudar um comportamento, porque assim podem conseguir algo que queiram;
B) Mudar como elas se sentem (menos triste, mais feliz).

Trata-se sempre de emoções ou comportamentos.”

 

“Amor, força, crescimento, devem ser o objetivo da família. Não a paz!”

Tony criticando a falta de imposição de hierarquia de uma mãe com a filha, com quem fez intervenção.

 

“A nossa vida inteira, muda em apenas um momento.” (nosso momento de decisão)

 

Análise de comportamento no palco de Anthony Robbins durante o evento

Ao longo de suas palestras, Tony mantém o público atento sempre interagindo. Situações como perguntar: “Quantos de vocês concordam? Digam ‘sim’!”.

Ele conta que tudo é energia. Ele faz, periodicamente ao longo do evento, cada pessoa da platéia:

Levantar, pular, gritar, dar tapa na mão, dançar, dar abraço em quem está próximo.

E não é à toa: precisamos gerar energia, mexer-nos. Além do movimento, a nossa postura física influencia também, ele conta.

E os melhores momentos, para você?

O que você achou do filme? Adicionaria mais algum momento marcante? Qual?

Faça o seu comentário na caixa mais abaixo, adorarei saber!

Seja avisado quando houver novos artigos relevantes por aqui para melhorar a sua eficiência, na sua caixa de e-mail. Basta inserir seus dados abaixo :)